9 de jul de 2010

O medo ceifa sonhos




Para entender a postagem tem que ouvir a musica 


Se eu soubesse que ia ser assim
Tudo por nada.

(Agora é assim só entramos na hora errada,não ha mais horas marcadas,não há mais sintonia e nem toques como chamadas.)



E confesso que eu acreditei
em meias-verdades
Você nunca me disse
Te amo

(tinha que esperar o momento certo)



Mas também não disse que não
Enquanto eu fazia
tantos planos
Que você nunca vai saber
Nunca vai saber
(o que se há pra fazer quando nenhuma das partes sabe mais o que se passa? Ou estão distante demais para se encontrar)




Quando você ama alguém que não te quer
Quando há um outro homem, outra mulher
Mesmo assim ainda te amo
Mesmo sabendo que eu
Posso, de repente
Ser o outro
Não posso te esquecer
(Será que eu teria mesmo feito diferente ? E se o tempo voltasse, você faria algo para mudar ? voce "me"escolheria de novo? Ou escolheria diferente? você me escolheria ? )






Se eu soubesse que ia ser assim
Desde o começo
Não teria te ligado não
Mas bem que eu mereço
Alguém tão diferente,
brilhava
E parecia querer
Aquilo que eu sempre
sonhava
E que você não soube ser
Você não pode ser

(Ah se eu soubesse dizer mais que meias verdades que voce sempre quis saber, ou se eu pudesse ao menos ver parte do que você sente e esconde o tempo todo... TALVEZ assim eu pudesse entender o que você sente de verdade por mim. Se voce me desse chance talvez você ja percebesse que é a mulher que eu sempre quis !


P.S: E sei o dia que quando me dei conta estava assim, completamente em suas mãos. Sei que nunca um dia seremos nós. Sabe porque? O medo ceifa sonhos.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments