29 de jul de 2010

Porque eu tinha todo meu amor por você



"Eu tinha uma garota
Donna era seu nome
Desde que você me deixou
Eu nunca fui o mesmo
Porque eu amo minha garota
Donna onde você pode estar?
Onde você pode estar?
Agora que você foi embora eu fiquei todo sozinho
Sozinho, surpreender sozinho
Porque eu amo minha garota
Donna onde você pode estar?
Onde você pode estar?
Bom, querida agora que você foi embora
Eu não sei o que eu vou fazer
Porque eu tinha todo meu amor por você
Eu tinha uma garota
Donna era seu nome
Desde que você me deixou
Eu nunca fui o mesmo
Porque eu amo minha garota
Donna onde você pode estar?
Onde você pode estar?"



Querida Odalisca


Mal lembro os seus e-mails.




Sendo diferente de antes, as coisas andam bem. Logicamente não tão bem como eu queria, mas, bem como elas realmente tinham que estar. Não era assim que pretendia que eu ficasse? Sabe Odalisca, eu prefiro pensar assim, ver todos esse dias dessa forma normal, acreditando que o rumo tomado pela nossa historia foi o melhor que poderia ter acontecido.

Bem lá no fundo não acredito que esse seja o rumo que sonhávamos, mas, pode ser que tenha sido o mais correto para o nosso destino, ou melhor, o mais viável, o mais real. Às vezes nos cansamos dessas estórias, desses contos que de fadas não tem nada. Eu e minha complexidade sem fim, onde nada acontece enquanto você vive na minha atmosfera, sendo o ar que respira o nosso puro amor.

Enfim, tantas coisas andam acontecendo nesse tempo em que você vive no seu silêncio e eu na minha complexidade. Eu poderia passar um dia inteiro contando, mas agora tenho preguiça. E isso não quer dizer que eu não tenha vontade de te contar, é só preguiça mesmo. Quem sabe ela passe quando nos encontrarmos?Como antes, ou melhor, como sonhamos uma vez. Não sei. Só estou te escrevendo mesmo, porque ontem minha Bá numa de suas crises de adivinhação, “leu meu futuro. Nessa de adivinhar, ela me revelou que terei uma grande alegria ao receber uma carta. Uma carta? Que será a resposta da minha que. É uma pena, mas eu não ando acreditando nessas coisas, só escrevi por escrever, quem sabe você lê, me responde e dá um incentivo a mais à Bá? É. Sábia Bá.
Eu te digo, não foi por falta de aviso, mas, um dia ela me disse: “Passarinho que acompanha morcego, acorda de cabeça para baixo”.

Complexo e despretensioso, Eu

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments