26 de mai de 2009

Inovação e Rasgos Femininos

E eu achando que já tinha visto de tudo nessa vida. E sinceramente, ADOREI! a coragem dessa mulher. Eu nao mediria palavras para relatar um caso desses.

Depois de ouvir “Côncavo e Convexo” do Roberto Carlos, supostamente se excitar dormindo e se masturbar inconscientemente, ela atingiu o gozo. No final, ela disse que, hoje, aos 68 anos, pode perfeitamente prescindir de homem, pois consegue sozinha o seu prazer.

O depoimento é impressionante, porque toca em temas ainda tabus: orgasmo, masturbação e sexo na terceira idade. Além disso, a senhora é visivelmente uma pessoa simples, com pouca escolaridade e, por isso, se valeu de eufemismos populares ou chulos, pra alguns, para narrar sua experiência.

Resumo da Ópera: a classe média espectadora da novela se estrilou. Houve reclamações e a direção da Globo mandou uma circular pedindo que a produção tivesse mais cuidado na hora de exibir os tais depoimentos. Até o Manoel Carlos se retratou. Coisa que achei vergonhosa, sinceramente.

Por isso o depoimento não foi exibido por aqui. Sofreu censura.

Se a narrativa fosse mais “polida”, numa linguagem aceitável pela elite brasileira, será que o depoimento não estaria, agora, estampando páginas de jornais e revistas pela coragem de sua personagem?!

Se essa mulher fosse mais jovem. Se ela tivesse cara de moradora do Leblon e não da empregada da casa; se tivesse se excitado com uma música da Billie Holiday e, não, do popular, quase brega, Roberto Carlos; se ela tivesse usado expressões como “desfalecida e entregue” e não “com a perna aberta e com a calcinha na mão”. Se ela tivesse falado “orgasmo” e não “toda babada”, será que o vídeo teria sido censurado?!

Sinceramente, depois dessa, o Manoel Carlos e sua produção podem até continuar com os depoimentos. Mas, nunca mais vamos ouvir com os mesmos ouvidos, como algo inovador e com rasgos feministas. É mais uma idéia pra vender sabonete.

Abaixo, depoimento completo. Sem cortes.


Fonte: http://inconfidenciamineira.com


8 comentários:

andrea disse...

Pena que removeram o vídeo. Esse preconceito tupiniquim cansa. Sua análise foi pertinente e na veia!
abraços
dea

Ana disse...

Eu diria que seu blog é bem interessante, e sua descrição no perfil fascinante.bjo

Anne Lieri disse...

Mr Jones,eu me lembro desse caso de censura!Muito interessante seu texto,falando abertamente sobre um assunto delicado e que deve ser cada vez menos discriminado!Abraços,

exoticlic.com disse...

PUTZ O VIDEO FOI REMOVIDO FRIEND
=/

Wanderley Elian Lima disse...

Como a hipocrisia ainda impera neste país. Lamentável.
Um abraço

Debby Lenon disse...

Você descreveu de maneira educado e sincera o que esse video representa
beijos

Xandy Britto disse...

É uma mulher humilde, uma mulher do interior, que simplesmente falou com o coração dela. Na época, a mídia, pra vender revistas e dar ibope, bombou a notícias. E a outras emissores, pra destruirem a Globo, fizerem a propaganda suja.

Enfim, deveriam respeitar uma senhora que tem orgasmo ao ouvir Roberto Carlos, gente! É um ser humano que se expressou!

Agora... se ela tivesse orgasmo ouvindo CALYPSO e eu fosse de um jornal... aí é outra coisa.

"Eu tenho tanto... pra te falar... mas com palavras... não sei dizer...' porra, gozei também... FODA_SE!

XB

Xandy Britto disse...

Jones, se liga, o video foi removido do youte. Baixa pro teu pc pelo vdownloader de alguma fonte e posta.

Eles tiraram estilo cicarelli fazendo sexo na praia espanhola com o namorado escondeu o oioiu armado com algas marinhas..... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

abraço!

XB

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments