24 de mar de 2012

Hellcats - Líder de torcida


Ser pai não é só ter um nome estampado no registro do filho, e sim, participar.
Foi interessante hoje quando eu estava lendo e-mails e ouvindo música quando a Bá chega no quarto e diz:
- Vem ver uma coisa.
Eu saí mancando, mas não poderia perder, porque quando a Bá me chama assim, com certeza é arte das meninas.

Chegando na sala, eu vi as duas conversando, e andando ESCOVANDO OS DENTES. Ahahaha, eu morri de rir, tudo isso é culpa minha. Como todos os leitores assíduos já sabem, eu tenho essa mania de escovar os dentes andando pela casa.

Logo depois, eu escuto uma música vindo do quarto delas, e fui verificar, e vi a caçula pulando na cama e saltitando e querendo dar cambalhotas. Daí notei que elas não estavam assistindo Discovery Kids e nem CN, e sim, BOOMERANG, e estava passando o seriado HELLCATS, que se trata de líderes de torcidas.
Filha: PAI, vem me ajudar aqui.
E ela se posiciona como se fosse voar da cama. Esperando que eu segurasse nos braços. E lá fui eu...
Filha: Mas pai, tem que dançar também.
Eu: ok filha...Assim? “e comecei a me mexer como podia apesar da perna e o pé não colaborarem”.

Filha: Agora vou pular e tem que me segurar ta?
 E lá vai a pequena saltitante dando uma de líder de torcida se jogando nos meus braços. Ahahaha

Fiquei pensando que, antes era só Discovery kids e Cartoon, hoje já tem o Boomerang...Apesar de que, nas sexta e domingos os 3 assistimos o Discovery kids, porque não perdemos o pequeno príncipe.
Enquanto ficava vendo a caçula dançando e dizendo que quer ser líder de torcida, acordei a minha imaginação e me deixei viajar em um futuro não muito distante...
Vi a filha maior linda, usando aparelho nos dentes, vaidosa, um estilo mais casual,  com livros e bolsa na mão me dando beijo dizendo que vai estudar na casa de uma amiga. Daí ela pega as chaves do carro e vai.
Já a caçula, deu pra perceber a presença dela pelo barulho vindo do quarto. Ela mandando ver no solo de bateria, usando batom preto, unhas pretas, roupa preta, tatuagem, piercing...Mesmo assim estava linda no estilo irreverente.
- Pai, chega aqui, pega guitarra e me manda um solo em “si bemol”
- Bora nessa filha!
Depois dessa viagem no tempo, só posso dizer que, não me importa o estilo que elas vão aderir, eu vou amar de qualquer jeito.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments