11 de nov de 2010

Relatos paternos: a perseguiçao da barata

 

"Era uma vez uma baratinha que varria o salão quando, de repente, encontrou uma moedinha:

- Obá! Agora fiquei rica, e já posso me casar!

Agora imaginem a parte da cantoria assim “- Quem quer casar com a Dona Baratinha, que tem fita no cabelo e dinheiro na caixinha?”

E eu fazendo a expressão corporal,facial  e rítmo enquanto cantava esse trecho da história. (Agora vocês devem estar imaginando eu fazendo essa cena, não é? Eu percebi a cara de paisagem de vocês).
Todo mundo acha a coisa mais fácil do mundo em contar uma história para crianças. Considero uma arte. Você ler o que está escrito é fácil sim, porém, não dá ênfase e nem dá asas a imaginação infantil. Prefiro contar uma historia fazendo a coreografia corporal.
Voltando ao assunto. A caçula interrompe e diz:
- Pai, a barata é feia né? Eu não gosto de baratas, tenho medo. (e fez cara de medinho)
Pelo visto puxou ao pai. Ahahahah. Enquanto folheava mais uma pagina, fui falando que baratas são feias sim...

- Mas pai, se você vê uma barata você protege a gente e mata a barata?
- Filha, pode deixar, se eu vê a barata, pego você e sua irmã no colo e corro.
Ela começa a rir e diz:
- E a barata pai? Vai correr atrás da gente. Você tem que pegar ela.
- Eu?? Melhor correr filha, eu sou mais rápido que a barata, aposto corrida com ela.
Elas começam a rir.
A mais velha diz:
- Pai? Você tem medo de barata, é isso.
- Quem disse isso filha? Não tenho medo não, mas a barata nunca vai pegar a gente, sou mais esperto que ela. Ta?
As duas continuaram rindo, e eu pensando “Preciso responder com jeito que elas não pensem que tenho medo daquela criatura nojenta. Ahahaha”
Esquecemos do livro, e já tínhamos criado a nossa historia, A grande corrida: Barata X Diego. A caçula ia perguntando e eu desenrolando as respostas e nós três criando as cenas em nossa imaginação.
- Pai, a barata esta conseguindo chegar perto da gente, corre mais rápido. Ou faz alguma coisa, prende ela, chama a policia (eu dei risadas com isso que ela falou).
- Nossa, essa barata pensa que pode com a gente é? Ela vai ver só, vou tomar mais Nescau e aumentar a velocidade, e vamos deixa-la para trás.
- Pai, é para lutar com a barata e não correr dela, quem faz isso é medroso.
(EU OLHANDO ELA COM CARA DE PAISAGEM)
- Olha filha, conseguimos vencer a barata na corrida. Êeeeeeeee (fazendo festa) ganhamos!
Lá vem ela...
- Pai, olha! A barata voltando, ela vem brava e chateada.
Eu cansado e já aterrorizado com essa tal barata perseguidora, que dei um basta.
- Filha, que tal virar a pagina, deixar a barata lá, e a gente ir comer os doces na historinha de João e Maria?
Ela gostou da idéia, e assim mudamos a historia. Com certeza até vou ter pesadelos com essa barata esportista que fez uma maratona emocionante com a gente.

Aqui em casa elas adoram ver os dois DVDs da Galinha Pintadinha. E até eu curto as musiquinhas, já sei cantar todas. Ahahahah

"A Barata diz que tem sete saias de filó
É mentira da barata, ela tem é uma só
Ah ra ra, iá ro ró, ela tem é uma só !"


LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments