4 de jun de 2010

De princesa encantada à bruxa malvada

Bom ler ouvindo essa bela musica da Vanessa da Mata "amado"



Ontem a noite, estava numa boa namorando, a minha fofita estava tão feliz que o neguinho chato dela aqui estava com mais tempo para ela. Quando de repente, do nada. Senti algo forte aqui dentro do peito. Não parecia uma angústia dessa vez. Era algo que eu sabia o que estava acontecendo. Daí , eu não consegui mais conversar e fui deitar para pensar.
Hoje, eu procurei a fofita e fui explicar.

Fofita, Vou tentar explicar. Bem eu e ela(a bruxa malvada da Juliana) conseguíamos façanhas incríveis. sabíamos o que um estava sentindo e na hora mesmo a gente sabia que se tratava de algo que ocorria comigo ou com ela. São umas sensações que até então não tínhamos idéia que a ligação da gente era tão forte. E ela pode invadir aqui dentro, e foi isso que ocorreu naquele instante. Essa ligação vai ser cortada sim...certeza. nao é possível. Porque da mesma forma que senti quando ela me apunhalou,  senti também que ela tenta me esquecer (ou já esqueceu).e quando se lembra, a força do sentimento causa esse impacto entre eu e ela




dae a colisão resultou no que você viu.”



Esses dias conversando com a Jackie, ela veio me dizer algo tipo. “AGORA ELA VAI VER QUE NÃO É MAIS O CENTRO DAS ATENÇÕES NO REINO”.
E passei dias livres, esvaziando tudo que tinha seu aqui dentro. Quando alguém vem perguntar: - E aí? Esqueceu mesmo a Juliana?
Não sei se isso é tentação, ou prova de fogo para testar se eu ainda fraquejo em relação a você.
Por isso que, eu te amo e eu te odeio. Te queria perto de mim, mas agora sinto repulsa por você. Tento colocar na minha cabeça que tudo isso foi um pesadelo e que daqui a pouco o sol na minha janela, irá me acordar desta noite ruim. 

Você agora acabou se tornando na minha vida, ao mesmo tempo a princesa encantada e a bruxa malvada, me fez provar da maça envenenada. Em relação a tudo que poderia ter sido uma linda historia de amor, restou apenas aquele gosto amargo das suas atitudes em minha boca, o fel do seu egoísmo de pensar somente em você. Você conheceu o melhor de mim, mas você preferiu alguém conveniente ao seu egoísmo. Se bem que para mim é melhor assim, acredite. Prefiro ser assim, imaturo inviável mais sentimentalmente interessante. Tenho experiências que muitos anos de vida não ensinam. Porem, boas doses de um bom caráter que infelizmente nem todos nascem com isso.





Você conhece meu jeito. Sabe que eu posso estar em uma super festa VIP, e posso preferir sentar na grama e me sentir feliz. Eu passei dois anos acreditando que você (ODALISCA DO DESERTO) me amava de verdade. 
Ao mesmo tempo em que desejo odiar de todas as minhas forças, quero amar você, mas infelizmente essa segunda opção está descartada. Sinto que todo esse meu desabafo é inútil, porque você não mereceu nada disso. Nenhum texto, nenhuma linha. Mas precisava colocá-la em algum lugar. Em um lugar bem longe, é onde vou preferir que você fique.  Porém, tudo o que eu tenho a te dizer é que eu sinto muito pela sua escolha, infelizmente as pessoas tolas tendem a tomar decisões tolas.
"Sinto que você é ligado a mim
Sempre que estou indo, volto atrás
Estou entregue a ponto de estar sempre só
Esperando um sim ou nunca mais
É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer
Sinto absoluto o dom de existir,
Não há solidão, nem pena
Nessa doação, milagres do amor
Sinto uma extensão divina
É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer
Quero dançar com você
Dançar com você
Quero dançar com você
Dançar com você"

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments