24 de mai de 2010

Segunda-feira no reino foi assim...





Pra começar, o meu dia começou com um papo religioso na espera da consulta médica. Curto muito conversar enquanto espero. Daí uma senhora evangélica sentou perto e começamos a conversar legal sobre filhos, criação e tals. Até que, o assunto “religião” começou.
- qual a sua religiao?
Eu: fui batizado na igreja catolica quando era bebe, mas hoje nao vivo freqentando a igreja deles pq nao vou obedecer a um padre que, diz aos fieis para nao beber e nem fumar, sendo que ele faz tudo isso. nao sigo o rebando deles.
- Ah, entao vc é evangelico?
Eu: Nao, nao sou. Ah, e ja fui batizado no mar mediterrâneo. Mas, por ter visto muito sobre religioes, eu prefiro apenas acreditar em Deus. e só.
- nossa, que Deus tenha piedade da sua alma.
Eu: porque? pq nao sou evangelico ou católico? Q eu saiba Deus me ama do mesmo jeito que ele ama voce e outro ser for espírita. E outra, não vou em conversa de ninguem, ou a senhora não lembra quando Jesus disse, "maldito homem que acredita em outro homem".
- Ainda tá em tempo da sua salvação, para que não vá pro inferno.
Eu: Pois é, ainda tá em tempo da senhora se salvar sim. Nem todos que habitam o templo serão salvos, sabia disso? Não é porque sigo uma religiao diferente da sua que, por causa disso irei pro inferno. Ok ok, até pode ser que eu vá passar um tempo no purgatório. quem mandou eu amarrar bombinhas no rabo do pobre gatinho da vizinha.
- Nossa!! Sangue de Jesus tem poder. Vou orar muiiiiiiiito por você.


Bem, daí depois de papear um pouco com a namorada (é, namorada sim, e nem esperem ver por aqui detalhes a respeito dela. Vai ser somente “minha namorada” e pronto. Porque esse lance de falar coisas e coisas sobre a namorada, que deu no que deu o anterior no antigo reino do Mr.Jones).

Continuando, depois minha mãe me liga avisando que falou com o amigo dela que chegou de Brookline (EUA) e que ele estaria me esperando no escritório de advocacia de um amigo, e que ele ia me dar boas orientações e bla bla. Olha só as recomendações da minha mãe.
- Junior, pelo amor de Deus, não vá esporte, e nem com roupa estilo skatista ou de boné. Sei que você adora andar igual ao Chico Bento, e ainda se achar que tem 15 anos e pode sair com skate. Vá de blaser, de terno, mas vá formal. Não me faça passar vergonha.
Minha mãe,e essas coisas de Lady e Gentleman. Sempre acho que fui trocado na maternidade, porque sendo filho de uma dama tão educada e fina, porque eu fui ser desse jeito? Bem, caipira ou não, como ela sempre acha que eu sou. Porem, é o meu jeito de se vestir que ela não concorda. Sou irreverente e curto assim. E calma que ela ainda falou mais.
- Meu filho, e não fale “qual é?” e nem “aê”. Prefiro até que você converse com ele em Inglês, ou até em italiano se preferir. Só assim você consegue formar. Mas entenda, você não é mais aborrecente. Se comporte feito HOMEM.
Eu: Acabou o sermão da montanha mãe?
Mãe: Não! Vai com aquele blaser azul marinho. E faça a barba.
Sei que, como filho obediente, fiz o que ela pediu. Fiquei parecendo que ia me casar. Era hora de levar as meninas na escola.

Filhas- PAI, você ta lindo!
Eu: Puxa, mas vocês dizem todo dia isso pra mim. Porque hoje estão me olhando como se eu fosse outro?
Começaram a rir.
Chegando na escola, entro com elas, lá vai a filha correndo pra amiguinha e fala::
- Olha só como o meu pai ta lindo.
A amiguinha responde: Ah, ele ta igual ao meu pai, se veste assim todo dia. Prefiro seu pai quando vem com pantufas e pijama, como ele veio na semana passada.
Eu escutei e fiquei com aquela cara de “Sheldon”

Dae, depois de me comportar feito gente como a minha mãe quis. Fui atrapalhar a aula da Anita (desde quando ela soube q eu to namorando, deixou de falar comigo, e ficou me dando gelo).
Quando ela me vê...
Anita: Dieeeeeego, você ta muitoooooo LINDO.
Eu: Ah não, até você? O que tem de tão diferente nessa roupa? Eu já usei outros ternos, e roupas sociais, e você já viu. Porque essa expressão toda de surpresa com essa?
Anita: não sei explicar, mas você ta um gato. Vai viajar pra ver a namorada?
Eu: Não, só vou no dia 12/06, dia dos namorados. E porque você não apareceu mais e nem deu noticias?
Anita: Porque eu sou uma tonta e você um tremendo burro. E não me peça para entrar em detalhes do que eu disse. Mas, o outro motivo, é que eu não quero causar ciúmes a sua namoradinha, evitar problemas pro seu lado.
Eu: não precisa se afastar. Ela não tem ciúmes, e ela sabe de você. Ela é especial, não é complicada e nem doida.
Anita: Imagino Diego, se tem aquela antiga frase “encontrar a metade da outra laranja” combinou certinho, você me disse que ela é psicóloga não é isso? Entao, você é um doido e ela a psicóloga. Vou torcer para que dê certo. Mas, e a (...)?
Eu: Olha, pergunte qualquer coisa, mas nada referente a assombração do passado, ok? E a minha fofita sabe que estamos tentando pra ver se dá certo. Ela sabe de tudo que eu sinto, penso ou imagino. E eu a adoro por isso. Ela tem paciência.
E a Anita voltou pra aula,eu voltei pra casa. Notei-a bem distante. Mas, tudo é questão de tempo.

Fofita, e eu...somos parecidos com aquele joguinho “come come da estrela” pense em duas figuras comilonas. E a Jackie falou esses dias que eu vou virar uma bola de tanto comer.
Ahahaha, To esperando o efeito bola desde quando nasci, e nada até hoje , viu Jackie?
Ah. A minha namorada se saiu também no vídeo que ela fez para o trabalho da faculdade, tendo como tema "Doenças Psicossomáticas",  que até a Globo, precisamente o diretor da MALHAÇÃO, já está pensando em contratá-la. E acho que vou perder a namorada, porque em breve ela vai se tornar celebridade. ahahahha

Ela me pediu para converter o vídeo e colocar no youtube. Eu discordei. Lógico né? ahahahah


LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments