3 de mai de 2009

Você e a Máquina do Tempo. Para em que época da sua vida você voltaria?

(Um texto Adaptado)
Havendo uma convocação para dar uma voltada no tempo, e você fosse o escolhido. O que você faria, a sério?
Bom, eu já tenho um roteiro na cabeça.

Deixemos bem claro: a viagem no tempo não pode servir para apagar o arrependimento, temos de nos preocupar com questões maiores.

1- Em primeiro lugar, para 1998, quando a Juliana fizesse 20 anos. Iria tentar encontrá-la anos antes para poder curtir mais. Não sei se ela, estudante de administração, iria se interessar por um caipira(agrônomo) galinha e metido a besta. Mas eu tentaria. Só teria dificuldades, creio, em achar o email dela, já que possivelmente ela só tivesse e-mail em 2000.


2- Iria a 1982. E diria, de coração, ao Telê: “Não bota ponta não, Telê. Pelo menos contra a Itália. Deixa o Zico e o Sócrates lá na frente de centroavantes trombando, libera os laterais e coloca no meio o Chicão e o Mococa dando porrada. E fala para o Chicão que, segundo o zagueiro Moisés (como sempre lembra Luis Edmundo Araújo), até os 10 minutos não tem cartão vermelho. Telê, manda o Chicão entrar para quebrar no baixinho, o tal Paolo Rossi”. Acho que o Telê não iria atender, mas, enfim, minha obrigação é tentar.


3- Iria a 1987. E diria ao Zico: “Zico, bota pilha no pessoal. Vai lá e joga contra aquele time de m(*) lá do Sport, trucidem eles, ganhem dos caras. Eu sei que eles viraram a mesa, mudaram o regulamento no meio do campeonato, regulamento este que estava assinado por São Paulo, Corinthians, Vasco, Botafogo, Fluminense, todo mundo. Só que estes times amarelaram para a CBF, que mudou tudo porque o Campeonato Brasileiro estava dando certo e não era a bagunça daqueles 100 times lá de Cafundó do Judas. Mas de qualquer maneira, vai lá, trucida este time só para que não passem 30 anos enchendo o saco, querendo dar razão a uma completa sandice, a uma imbecilidade completa em nome do ódio e do recalque que os outros têm”.


4- Iria a 1989. E diria a minha mãe, por telefone, disfarçando a voz: “Não deixa o Diego ousar a experimentar entrar na faculdade para fazer administração. Manda ele fazer Arqueologia, agronomia ou até oceanografia. Em 2009, ele vai te agradecer por todos o tempo que ele perdeu na área errada.


5- Iria a 1970. E enviaria uma carta a uma determinada pessoa: “Dear mr. Elvis Presley. I am writing this message from the future. Sorry if i mess up your mind, but i really want to meet you in the future, and don’t be late. Please, mr. Elvis, I am warning: DON’T USE BARBITURICS!”


6- Iria a 1968. E enviaria, também, uma carta à Inglaterra: “Mr. Winston, i am writing you from the future. Attenption: you will meet, suddenly and in few months, a Japanese girl. Don’t care for her. Don’t talk to her. She is from CIA. She is a dangerous spy, and her mission is break down the Beatles, attending a order from the USA Government. Nevermind this Japanese girl!”


7- Claro, iria a todas as datas em que a Mega Sena teve extração acima de 50 milhões. E ganhar todas.


8- Iria também a 2000, e ligaria para a Juliana, com lenço disfarçando o bocal: “Estou te ligando do futuro, se liga, você vai conhecer um cara doido na internet, por volta do ano 2008, poupe o tempo que ficarão teclando e liga logo pra ele, o tel é ________E fuja com ele pra bem longe da civilização.

9- Iria a 1983 e ligaria para São João Del Rey: “Doutor Tancredo, estou te ligando do futuro. Sei que o Aecinho vai ser governador duas vezes em Minas, sei que ele vai ser até candidato a presidente lá por 2010 ou 2014. Mas eu te peço: não coloque o Sarney de vice. Não deixa. É porque o senhor vai ter que fazer um tratamentozinho, algo relacionado a intestino, sabe, e vai ter que se ausentar e na sua ausência, bom, nem quero falar porque sei que o senhor vai me atender, né, Doutor Tancredo?”.


10 – Iria, finalmente, ao ano 32. E, de barco, chegaria à Galiléia. Encontraria um certo sujeito e diria a ele: “Olha, meu amigo JC. Vou te pedir: não deixa o Judas te entregar não. Não vale a pena verter sangue pela humanidade. Você não tem idéia do quanto vão matar em teu nome, de quantos malucos vão surgir dizendo o que você não disse como se você tivesse dito. Você não tem idéia de que vão usar o símbolo da tua morte até para espantar vampiro no cinema. JC, sei que você ama a humanidade, mas estamos fazendo bobagem demais. Não vale a pena. Fica velhinho, casa com a Maria Madalena (canta para ela o clássico de Odair José, que será lançado daqui a 1.940 anos, “Eu vou tirar você deste lugar”), tenha filhos saudáveis (e vascaínos)” e torne sua morte um símbolo de paz, esperança e não de sangue derramado. Acredite, de sangue derramado a humanidade vai se fartar nos próximos dois mil anos. Vão até fabricar objetos que derramam sangue à distância. JC, vai para a montanha, dá teu sermão, não deixa Pedro te negar e manda Judas à merda”.


Em suma: se a Máquina do Tempo um dia funcionar mesmo, não estranhe se o crucifixo na tua parede desaparecer e na prateleira de CDs aparecer um inédito dos Beatles. Fui eu.

http://www.interney.net/blogs/eclipse/2008/04/02/maquina_do_tempo_wells/

2 comentários:

Profª Sandra Bose disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ProfessorNelsonMS disse...

Diego,

Gostei muito da idéia do texto.

Parabenizo a você pela atitude correta de citar a fonte do texto apresentado em seu blog, essa é uma atitude respeitosa e justa com o autor da mensagem original. Afinal, nós sabemos o trabalho que dá a todos que desenvolvem material para publicar num blog. Com isso, demonstras ter uma ética de elevado valor, pois quando conhecemos a fonte, ela deve ser declarada de forma clara !

Por fim, eu gostaria de estar no início da sociedade humana, e dizer a todos : "Respeitem uns aos outros, senão vocês vão ver que tipo de sociedade haverá em 2009 !", rsrsrs ou sniff, sniff ?

Agradeço a você pelo post, pois me deu uma ótima oportunidade para comentar !

Um abraço.

Nelson

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Intense Debate Comments